Eventos

Venha nos visitar
Data : 6 / out / 2018
Horário : 22:30
Endereço : RUA DUVIVIER, 37, COPACABANA
Tel : 21 984606042 & 21 25432962
50,00 (DINHEIRO)

60 ANOS DE BOSSA :: ITHAMARA KOORAX & JOSEVAL PAES

22:30 (SÁB) | Bottle's Bar

Ithamara Koorax & Joseval Paes – A cantora apresenta seu novo show, iniciando uma parceria com o guitarrista Joseval Paes. No repertório, músicas de artistas com os quais Ithamara trabalhou: Tom Jobim, Luiz Bonfá, Marcos Valle, João Donato, Dave Brubeck, Larry Coryell, Ron Carter e Eumir Deodato, entre muitos outros. Bottle’s Bar (Beco das Garrafas) – Dia 06 de outubro sábado, às 22,30hs. Ingressos: R$50. Rua Duvivier 37, Copacabana

Uma das artistas brasileiras de maior prestígio internacional, Ithamara Koorax foi eleita várias vezes uma das melhores cantoras do mundo pela revista DownBeat, gravou 10 temas para trilhas sonoras da TV Globo, 4 trilhas para filmes, e trabalhou com os maiores nomes da MPB – Tom Jobim, Luiz Bonfá. Elizeth Cardoso, Tim Maia, Tito Madi, Marcos Valle, João Donato, Edu Lobo, Guinga, Martinho da Vila, Hermeto Pascoal, Paulo Cesar Pinheiro – e do jazz mundial (Ron Carter, Larry Coryell, Dave Brubeck, John McLaughlin, Gonzalo Rubalcaba, Claus Ogerman, Sadao Watanabe, Jay Berliner, Eumir Deodato, Dom Um Romão e muitos outros). Já se apresentou em mais de 20 países: EUA, França, Inglaterra, Suiça, Alemanha, Japão, Coréia do Sul, Sérvia, Bulgaria, Portugal, Chipre, República Tcheca, Finlândia etc. 

Iniciou a carreira fazendo backing vocal para Tim Maia e Bebeto, em 1988, e dividindo o palco em shows com Tito Madi. Logo depois começou a trabalhar com a dupla Guinga e Aldir Blanc. Amadrinhada por Elizeth Cardoso, que a assistiu num show com Guinga & Paulo Cesar Pinheiro em São Paulo, partiu em 1990 para a carreira-solo. Naquele ano, emplacou seu primeiro sucesso nas rádios: “Iluminada”, tema da mini-série Riacho Doce, da TV Globo, e recebeu o Prêmio da APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte). Em seguida viajou para shows no Japão (a primeira de seis turnês) e gravações nos Estados Unidos. O primeiro CD individual, “Ithamara Koorax Ao Vivo”, ganhou o Prêmio Sharp (hoje Prêmio da Música Brasileira) em 1994. O resto é história.